Notícias

Institucional: CRT-RJ, Sindistal e Sebrae vão criar Banco de Talentos

  • 8 de julho de 2019

A primeira reunião de trabalho entre representantes do CRT-RJ e do Sindistal ocorrida dia 3 de julho, na sede do Sindistal teve como foco a criação de um Plano de Ação para apresentar CRT-RJ aos 150 mil técnicos industriais espalhados por todo o Estado do Rio de Janeiro. De acordo com o presidente do CRT-RJ, Sirney Braga destes 150 mil habilitados, apenas 40 mil estão em dia com o Conselho profissional. “ Precisamos trabalhar para  combater a inadimplência, para isso é preciso trazer estes profissionais de volta ao mercado de trabalho, através de cursos de capacitação”.

O presidente do CRT-RJ Sirney em reunião com representantes do Sebrae e do Sindistal

Estiveram presentes à reunião, o presidente do CRT-RJ, Sirney Braga, o diretor executivo do Sindistal, Oldemar Boechat e os gerentes de projeto da Coordenação de Indústria do Sebrae, Flávia Rodrigues e Marcos Vasconcellos
O diretor executivo do Sindistal, Oldemar Boechat, sugeriu um convênio de relacionamento que envolva o CRT-RJ, o Sindistal e o Sebrae baseado em uma agenda de qualificação e acesso ao mercado, fazendo um mapeamento de empresas e profissionais. Oldemar se propôs a disponibilizar para o CRT-RJ, o cadastro do Sindistal que conta atualmente com 2.875 empresas.

 

– Podemos fazer uma chamada pública envolvendo as três entidades para atrair empresas e profissionais. Por exemplo, o técnico tem uma empresa de eletrotécnica que realiza serviços de instalação de sistema de energia fotovoltaica e quer entrar em um ambiente de negócios e contratos, mas para que estas coisas aconteçam, ele precisa estar qualificado. Quando o profissional começa a ver que aquilo vai lhe dar dinheiro, ele faz o caminho do dinheiro, ou seja, qual será o meu retorno fazendo o curso ou participando de uma atividade? Não no sentido de formação, mas de nivelamento. Outro caminho é a qualificação de gestão feita pelo Sebrae que prepara a empresa para a certificação.
Ainda segundo o Diretor Executivo do Sindistal, Oldemar Boechat, as três áreas que mais demandam interesse dos profissionais por cursos de nivelamento são: a elétrica, gás e eficiência energética.

O Representante do Sebrae, o gerente de projetos Marcos Vasconcellos, apresentou várias propostas na reunião entre as quais a criação de um Banco de Talentos entre o CRT-RJ e o Sebrae para habilitação dos profissionais, e se comprometeu a fornecer para o CRT-RJ, o cadastro da Firjan e do Sebrae.

– A base do Sebrae é de fácil acesso para fazermos um mapeamento das empresas. Vamos levar o resultado da nossa conversa aqui para o diretor de Desenvolvimento do Sebrae, Sérgio Malta já para verificar de que forma ele gostaria que o Sebrae participasse dessa governança e também conseguir a base de cadastro da Firjan, e a partir daí, envolver nossas assessorias de comunicação para soltar na mídia e nas redes sociais essa chamada pública convocando os técnicos industriais para uma agenda que pode ser um mini seminário ou um workshop, para que o CRT-RJ se apresente, e nessa linha, já possamos introduzir o assunto das oportunidades de qualificação.

Fonte: Renata Idalgo ( Ascom CRT-RJ)

Comentar