Notícias

Oportunidades: Brasfels admite 1700 trabalhadores da área técnica

  • 29 de julho de 2019

O estaleiro Brasfels está contratando profissionais para atuar em serviços de manutenção de plataformas de petróleo, área de atuação que a empresa adotou para evitar paralisar completamente suas atividades. Serão 1.700 profissionais com diversas especializações, conforme a lista no fim desta reportagem. As admissões serão por tempo determinado.

Apesar de ter fechado milhares de postos de trabalho desde a época em que rivalizava com a CSN em número de empregados, com cerca de dez mil, e ter chegado a contar com menos de mil profissionais, o Brasfels conseguiu se manter em atividade, enquanto a grande maioria dos estaleiros do país fechou depois da crise iniciada quando as investigações da Operação Lava-Jato colocaram sob os holofotes a contratação da construção de plataformas para que a Petrobras pudesse operar o pré-sal.
Uma das empresas que contratavam a construção das plataformas, para depois arrendá-las à Petrobras, era a Sete Brasil. Colocada no “olho do furacão” e envolvida com suspeitas de superfaturamento e pagamento de propinas, a Sete Brasil rapidamente perdeu credibilidade no mercado e suspendeu a construção de inúmeras plataformas.
O Brasfels foi um dos atingidos pela suspensão dos contratos e começou uma série de demissões, intensificada quando ficou claro que a construção de plataformas não seria retomada no curto prazo.

Crise

O mercado de trabalho em Angra dos Reis foi gravemente atingido pela crise iniciada em 2014. A cidade fechou, de janeiro de 2014 a maio deste ano, 11.250 postos de trabalho, sendo seis mil na Indústria, como reflexo direto dos problemas com o Brasfels.

A construção civil foi outro setor que sofreu em Angra dos Reis, com a suspensão das obras da usina nuclear Angra 3: a cidade perdeu cerca de 3.600 empregos nesse setor, desde 2014.
O comércio sentiu a queda na demanda, em função das demissões em setores responsáveis por boa parte da economia angrense, e fechou 475 empregos no período. O setor de serviços também foi afetado e fechou 929 vagas no período. As funções para as quais o Brasfels está contratando:
Área de Pintura
Líder de Pintura, Jatista Multifunção e Pintor Multifunção . Ensino Fundamental completo, habilidades de liderança e qualificação (200h)na área. Necessário cursos de CBSP + T-HEUT
Área de Andaimes
Líder de Andaimes e Montadores de Andaimes . Fundamental completo ( ou pelo menos até a 4º série) e qualificação profissional no setor.
Área de Transportes
Operador de Equipamentos, Rigger e Líder de Transportes. Ensino Médio completo e cursos de qualificação no ramo.
Área de Manutenção
Eletricistas de Manutenção, Encanadores e Mecânicos de Manutenção ; Para a função de Eletricista será necessário NR-10 e fundamental, para Encanador, apenas ensino fundamental. Ambos devem ter curso de qualificação na área. Para função de Mecânico será necessário o ensino médio completo.
Área de Tubulação Integrada
Soldadores (TIG/ER/MAG), Encanadores, Líder de Solda e Soldadores Carvoeiro . Ensino fundamental completo, qualificação profissional e experiência na função.
Área de Estrutura

Soldadores, Caldeireiro, Lider de Montagem, Operador de Equipamentos e Rigger . Para a função de Operador de Equipamentos, será necessário curso de guindasteiro. Caldeireiro e Líder de Montagem, será necessário curso de CBSP + T- HEUT. Para Rigger, escolaridade de Ensino Médio. Todas as outras funções exigem apenas o ensino fundamental e cursos de qualificação na função.
Observações:
1) Como o processo seletivo já estava em andamento quando esta reportagem foi escrita, é possível que em algumas funções já não haja vagas.
2) Inscrições podem ser feitas no site www.vagas.com.br/vagas-de-Brasfels

Fonte: O Petróleo

Comentar